Notícias

O movimento Setembro Azul é lembrado pelo PHS-SP

Outras Notícias - 17/09/2018

 

Os surdos têm direitos como todos os cidadãos. Pensando nisso, Laércio Benko (3131), candidato a deputado federal do PHS-SP, propôs o projeto de lei nº 803/13, determinando que nos editais de concursos públicos da cidade fosse explicitamente reconhecida a Língua Brasileira de Sinais (Libras), enquanto foi vereador por São Paulo.

Para Valdireny Mira (31322), candidata a deputada estadual do PHS-SP, os surdos ainda se sentem ‘estrangeiros’ no próprio país, pois na maioria dos municípios brasileiros não há acessibilidade para eles. “Não há intérpretes de Libras nos órgãos públicos e ainda as escolas continuam não disponibilizando a educação bilíngue”, comenta.

Ju Aveiro (31019), outra candidata a deputada estadual do PHS-SP, questiona: “Por que não há aulas de Libras nas escolas brasileiras? Por que não há cursos de formação pedagógica de Libras para os futuros professores”? E reforça: “Vou lutar pela inclusão escolar para as pessoas com deficiência. Precisamos construir um futuro melhor”.

Entre questionamentos e explicações, é certo que os surdos vão continuar lutando por seus direitos e inclusão social.

 

 

 

Veja também:

Notícias em destaque relacionadas a este conteúdo: